Crítica | Mascarade


★★★½

Deep house na sua mais resguarda forma.

Deep house na sua mais resguarda forma. Sendo o primeiro disco do gênero nessa postagem, ele transcreve excelentemente os sentimentos que esse tipo de música é capaz de evocar, como alegria, conforto, frio e paz interior. Porém, por mais gratiluz que essa descrição possa ser, é uma grande perda deixar de ouvir as batidas envolventemente cálidas e enevoadas do disco, apimentadas por lindos vocais de R&B. Isso pois, apesar de singelo e direto, Mascarade é um disco exímio em administrar emoções, provocar a mente e incitar o corpo, o que denota um trabalho cheio de paixão e capaz de acalmar as mais atribuladas das almas.

Selo: Rhythm Section International
Formato: LP
Gêneros: Eletrônica / R&B Alternativo, Deep House

Sophi

Sophia, 18 anos, estudante e redatora no Aquele Tuim, em que faço parte das curadorias de Rap e Hip Hop e Experimental/Eletrônica e Funk.

Postagem Anterior Próxima Postagem