Crítica | Aquecimento EP


★★★½

O EP Aquecimento, de CESRV, é uma extensão do domínio do produtor sobre suas incursões eletrônicas.

Um dos produtores responsáveis pela inserção e modificação do grime em solo brasileiro, CESRV acompanhou de perto a transmutação do gênero em algo que só poderia ser feito e reproduzido aqui: o brime. Mas, para além da sua contribuição para esta nova safra do funk, rap e trap modulada em bases eletrônicas, o seu trabalho está longe de se conter num só tema. Aquecimento EP surge da vontade do produtor de povoar novos espaços, ou de preenchê-los com algo de sua autoria. O funk, aqui, ganha espaço ao lado do drum n bass, como em “Avisa”, cuja repetição e batida gradual convergem para uma explosão melódica extremamente profunda — não se surpreenda ao ouvir um saxofone no ápice geográfico da construção sonora atípica explorada pelo produtor na faixa. É uma de suas marcas mais surpreendentes até hoje.

Selo: Beatwise Recordings
Formato: EP
Gênero: Eletrônica / Música Brasileira, Drum n´Bass
Matheus José

Graduando em Letras, 23 anos. No Aquele Tuim, faço parte das curadorias de Jazz, Música Independente, Eletrônica e Experimental.

Postagem Anterior Próxima Postagem